OBJETIVO:
O segundo encontro a Santos promovido pelo MAS tem como objetivo oferecer novas vistas do município litorâneo através da visita em prédios históricos ou lugares emblemáticos da cidade. O curso será orientado pela orla santista, percorrendo edificações do século XVI – caso da Fortaleza de Santo Amaro da Barra Grande – até o século XX, quando a orla passa a ser ocupada. Muitos dos lugares a serem visitados fazem conexão com a arquitetura paulistana, e serão abertos exclusivamente para os alunos do MAS nesta aula, sendo uma grande oportunidade para conhecer o interior de um prédio assinado por Artacho Jurado ou mesmo subir a torre de uma igreja projetada pelo mesmo arquiteto da Catedral da Sé. Com o nome de “Outros Olhares”, a aula possibilitará a experiência única de admirar a cidade em diferentes horários e de diferentes maneiras, exercitando a percepção dos alunos para conhecerem Santos de uma forma que as vezes, nem sempre os próprios habitantes conhecem.


ROTEIRO DA AULA:
Manhã: visita ao Edifício Enseada (1960) de Artacho Jurado, passeio de barco até a Fortaleza de Santo Amaro da Barra Grande (século XVI), no sudoeste do Guarujá.

Tarde: parada na Basílica Menor de Santo Antônio do Embaré (1945), percurso pelo Orquidário Municipal de Santos (1940), visita a Pinacoteca Benedito Calixto (1900).

Noite: ida ao Mirante Memorial 500 Anos do Brasil (2002), projetado por Oscar Niemeyer para a cidade de São Vicente e retorno ao MAS.


A QUEM SE DESTINA:
O conteúdo do curso destina-se ao público em geral interessado em conhecer a história da cidade de Santos, uma das primeiras vilas fundadas no Brasil, analisando a arte religiosa e a arquitetura construída na orla santista. Contudo a abordagem na interface história X urbanismo também desperta interesse aos historiadores, arquitetos e urbanistas, pesquisadores, professores que pretendam desenvolver o tema em sala de aula, estudantes universitários ou profissionais que atuam em projetos de preservação cultural ou patrimonial.


PROFESSOR:
Fabricio Santos é arquiteto e urbanista formado pela Universidade Católica de Santos. Natural da cidade de Santos-SP, já atuou como curador no Museu de Arte Sacra da mesma cidade, e atualmente integra do corpo docente do Museu de Arte Sacra de São Paulo, realizando cursos e palestras que abordam a História das Cidades e o Catolicismo Negro, este último tema objeto de pesquisa do professor. Também é integrante da Comunidade do Rosário na Igreja de Nossa Senhora do Rosário dos Homens Pretos da Penha de França, onde contribui na liturgia das celebrações inculturadas.


CRONOGRAMA DETALHADO DA AULA:


*Saída do MAS para Santos: 06h30

*Café da manhã: padarias da Ponta da Praia. das 8h ás 9h

1 – Edifício Enseada: construído pelo arquiteto autodidata Artacho Jurado, o prédio ícone dos anos 1960 chama a atenção pela decoração das fachadas e pelo layout interno, oferecendo aos moradores uma vista incrível das praias de Santos a partir de sua cobertura. Entrada: Grátis.

Av. Bartolomeu de Gusmão, 180 – Ponta da Praia, Santos – SP. Horário previsto: 9h00 – 10h00

2 – Fortaleza de Santo Amaro da Barra Grande: erguida a partir de 1584 como parte do sistema de defesa da Vila de Santos, o forte localizado a sudoeste da Ilha de Santo Amaro no município do Guarujá proporciona uma linda vista da orla santista. Acesso via barco: R$ 10,00. Entrada: Grátis.

  1. Messias Borges, 380 – Santa Cruz dos Navegantes, Guarujá – SP. Horário previsto: 10h00 – 12h00

*Almoço: Praiamar Shopping. 12h30 ás 13h30

3 – Basílica Menor de Santo Antônio do Embaré: projeto do arquiteto Maximilian Emil Heh, a construção de 1945 em tipologia neogótica tem decoração interna dedicada aos santos franciscanos e proporciona uma vista interessante da praia santista a partir da suas torres.

Av. Bartolomeu de Gusmão, 32 – Embaré, Santos – SP. Horário previsto: 14h00 – 15h00

4 – Orquidário Municipal de Santos: o parque zoobotânico teve sua inauguração na década de 1940 a partir da doação das orquídeas de Júlio Conceição, considerado o primeiro orquidófilo do Brasil. O percurso em meio a natureza de seu interior promove um contato com a história dos canais projetados por Saturnino de Brito, símbolos da cidade que possibilitam intrigantes vistas da cidade. Entrada: R$ 4,00 estudantes ou idosos. R$ 8,00 inteira.

Praça Washington, s/n – José Menino, Santos – SP. Horário previsto: 15h30 – 16h30

5 – Pinacoteca Benedito Calixto: o casarão construído no início do século XX que documenta a ocupação da orla santista pelas famílias mais ricas da cidade, preserva atualmente uma coleção de obras do pintor Benedito Calixto além de oferecer uma visão privilegiada da vida à beira-mar. Entrada: Grátis.

Av. Bartolomeu de Gusmão, 15 – Boqueirão, Santos – SP. Horário previsto: 17h00- 18h00

*Café da tarde: Bistrô da Pinacoteca. 18h00 as 18h30

6 – Mirante Memorial 500 anos do Brasil: projetado por Oscar Niemeyer, o mirante localizado na Ilha Porchat em São Vicente oferece uma vista noturna privilegiada da orla da cidade de Santos. Entrada: Grátis.

Alameda Ari Barroso, S/N – Ilha Porchat, São Vicente. Horário previsto: 19h00 – 19h30

*Chegada prevista no MAS: 21h00.


INVESTIMENTO: R$ 240,00 à vista ou R$ 280,00 (02 vezes) dinheiro ou depósito bancário. Após o envio do comprovante sua inscrição estará formalizada.

Incluso:
– Transporte (onibus , ar condicionado,TV, toalete) que ficará à disposição durante a viagem.
– Todo o translado das atividades será feito com o ônibus fretado.
– Equipamento de áudio transmissão
– Monitoria – Fabricio Forganes Santos

Não incluso:
– despesas com refeições, bebidas, estacionamento e ingressos nas atividades


SAÍDA e RETORNO: Museu de Arte Sacra de São Paulo Estacionamento do Museu de Arte Sacra de São Paulo – Rua Jorge Miranda, 43
Dia 25 de abril de 2020 – sábado
Horário saída: 6h30
Ponto de encontro: estacionamento do Museu –  Rua Jorge Miranda, 43
Horário retorno: previsão – 21h30hs no Museu
Carga horária: 15hs

Será oferecido certificado de participação aos participantes.
Inscrições: mfatima@museuartesacra.org.br
Informações: (11) 5627.5393
Vagas: 30 (trinta)

Importante: A lista dos passageiros completa com nomes e RGs precisam estar no DNER com antecedência. Seu comprovante de depósito é seu comprovante de inscrição. Em caso de cancelamento de sua ida, pode substituir por outra pessoa até 7 dias antes da viagem.

Compartilhar