Enivo: Afeto

Acolher

Marcos Ramos, mais conhecido como Enivo, é um muralista de rua que passou a abraçar também uma prática ativa de ateliê, que motiva esta exposição. Nascido em 1986, iniciou sua carreira artística aos 12 anos fazendo grafite no bairro do Grajaú, em São Paulo. Já pintou murais em todo o Brasi, bem como nos Estados Unidos, México, Alemanha, Holanda, França, Áustria, Espanha, Chile e Argentina, além de participar de festivais na Europa. Reconhecendo que o Brasil carecia de espaços culturais para hospedar e comercializar arte urbana, fundou junto com um grupo de artistas afins a Galeria A7MA, na Vila Madalena, onde já foi curador de mais de 70 exposições.

A exposição “Afeto” se baseia na visão de Enivo sobre a cidade e numa relação de longa data com os moradores de rua da cidade. Através da arte de Enivo, nos deparamos com a triste realidade de um homem comendo lixo, mas também com a alegria lúdica de malabaristas em uma esquina da rua Funchal, ou o Zé Cabrita, um personagem que posa de candidato político surdo e mudo, andando numa moto toda enfeitada pelas ruas do Grajaú. A mostra nos convida a testemunhar a vida dessas pessoas, com quem cruzamos pelas ruas da cidade, retratadas em 14 telas que nos tocam profundamente. Essa experiência é imperdível.

Enivo: Afeto.
Curadoria: Simon Watson
Duração: de 18 de Junho a 21 de Agosto de 2022
Dimensões: Variadas
Local: Museu de Arte Sacra de São Paulo | MAS
Endereço: Avenida Tiradentes, 676 – Luz, São Paulo
Horário do Museu: De terça a domingo, das 9h às 17h (entrada até as 16h30)
Telefone: (11) 3326-5393
Ingressos: R$ 6,00 (Inteira) | R$ 3,00 (Meia) | Grátis aos sábados
Isenções:
– Crianças até sete anos de idade;
– Idosos (igual ou acima de 60 anos);
– Pessoas com deficiência e um acompanhante;
– Guias de Turismo credenciados pelo Ministério do Turismo (CADASTUR);
– Professores da Rede Pública de Ensino e Organizações Sociais e Instituições Públicas das áreas da Educação e Cultura e associados do Conselho Internacional de Museus (ICOM).
– Ordens Religiosas e Membros do Clero Diocesano: Bispos, Padres, Freiras e Seminaristas.

Siga o #MAS nas redes sociais @MuseuArteSacra.

Compartilhar