Segundo Dionísio de Halicarnasso, a religiosidade dos etruscos era a mais pulsante e vivaz entre os povos antigos. Sua vida religiosa se espelhava em todas as atividades cotidianas e seu panteão superava em número e variedade o de seus contemporâneos, como Vanth e Charun, deidades do submundo, consagradas na arte funerária. O objetivo deste  encontro é nos aproximar  da cultura etrusca através de sua religião, seus ritos e a manifestação na arte deste aspecto desta rica cultura, oferecendo ao público uma perspectiva diferenciada dos povos da antiga Itália.


Palestrante
Nancy M A B Bomentre, Professora mestre em História da Arte pela UNIFESP- Universidade Federal de São Paulo. Bolsista FAPESP (IC e Mestrado). Educadora museal. Conservadora e restauradora de acervo têxtil de arte sacra budista. Larga experiência em congressos nacionais e internacionais (Inglaterra e Itália). Atuou como organizadora da conferência CASA3- Cambridge Annual Student Archaeology, na Universidade de Cambridge(Inglaterra)  (https://www.arch.cam.ac.uk/casa)


Data: 15 de fevereiro de 2020 (sábado)
Horário: 14h00
Atividade gratuita
Não é necessário fazer inscrição, por ordem de chegada, capacidade da sala 70 lugares
Informações: (11) 5627 5393 – mfatima@museuartesacra.org.br
Local: Museu de Arte Sacra de São Paulo
Endereço: Avenida Tiradentes, 676, Luz. Metro Tiradentes.
Estacionamento gratuito (ou alternativa de acesso): Rua Jorge Miranda, 43 – Estacionamento sujeito à lotação.

Ao final da palestra será oferecido o certificado de participação.

 

Compartilhar